Eis aqui a grande invenção da internet! A inimaginável fusão do boteco, ponto de discussões filosóficas e nascedouro das soluções para todos os problemas políticos, econômicos e sociais do mundo, com o hospício, furna da mais pura sinceridade, livre das convenções, amarras e obrigações sociais. Coerências ou devaneios, tudo vale. Tudo é possível. Portanto, seja bem-vindo! Entre, sente, tire a camisa de força e tome mais um gole, sem pressa para pedir a saideira.

terça-feira, agosto 10, 2010

E depois que esta propaganda apareceu na livraria...


1) Católicos passaram a engolir a hóstia de forma mais fervorosa e três vezes ao dia;
2) Gays empunharam faixas: "Nem só as mulheres são comestíveis!";
3) O movimento feminista foi às ruas: "Mulher não é produto de consumo!"
4) Donos de prostíbulos venderam o peixe: "Aprecie sem moderação";
5) E o sujeito que escreveu esta propaganda foi excomungado e perdeu o emprego (deveria ter perdido o diploma)

* A dica da propaganda é do professor Antônio Santana. Valeu, "Santanovsky"!

4 comentários:

Anderson Ribeiro disse...

Hahahaha. E perceba a ordem: mulheres comida e Deus. No fim você já está cheio e deixa pra lá, nem come. Kkkkkkkkkkkkkk. Ih, você é católico?

Eduardo Muller disse...

A "chamada" é a alma do negócio.

Billy disse...

Maconha estragada ou arrocha no volume 10 da agência...

O Paulino disse...

Digno de um Nobel da Literatura..

Vide o subtítulo:
"Uma estratégia inspiradora para quase tudo na vida"(sic)


Estratégias para quase tudo na vida... a auto-ajuda em uma maior escala de evolução..