Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2006

Cantoria Chuverial Descomedida, a maldição do milênio

“Olha láá quem veeem do lado opooosto
e vem sem goosto de viveeer
Olha láá que os braaaaavos são
escraaaavos sãos
e saaaaalvos de sofrer
Olha láá quem aacha que perder
é ser menor na vidaaa
Olha láá quem sempre quer vitóóória
e perde a glóória de choraaaaaaaar”

Este é o meu primo Eduardinho, cantando no banheiro do seu apartamento, em Salvador. Ele é um dos tantos e tantos cidadãos brasileiros acometidos pela Cantoria Chuveiral Descomedida – CCD –, um mau que assola o país. Bem mais que o câncer ou a aids. Bem mais que a desnutrição ou a seca. Talvez até, bem mais que a corrupção e os cambalachos dos nossos políticos, ora travestidos de salvadores da humanidade e pedindo, encarecidamente, o meu, o seu, o nosso voto, quando não, se antecipando em pagar pela preferência dos eleitores compráveis. Talvez até, bem mais que o tráfico de drogas e os mandos e desmandos do crime organizado. Enfim, uma desgraça!

Digamos que, de cada duas residências brasileiras, três têm um portador de CCD. Desses que nã…