Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2009

Para um editor libidinoso ou carente, pouco importa a editoria...

Imagem
"Eu queria ser o banquinho da bicicleta, pra ficar bem no meio das pernas..."

Terapeuta ocupacional???!!!!

A partida é entre Brigham Young e Novo México, pela Liga de Futebol Feminino dos Estados Unidos. E a zagueirona do Novo México é a Elizabeth Lambert, uma estudante do 3º ano de Terapia Ocupacional. Quem se habilita a uma sessão????

P.S. - Elizabeth foi considerada pela imprensa espanhola como a jogadora mais violenta do mundo. Título mais do que justo.




Gordo na academia

Imagem
A pior sensação do mundo é a de um gordo dentro de uma academia. Eu garanto. E não por que nos sentimos – nós, os fofinhos – ridicularizados, fora dos padrões e tal. Na verdade, sabemos que estamos longe dos padrões da estética da moda, dessas futilidades, bem como dos parâmetros de uma boa saúde – e é isto o que, atrelado à falta de tempo para a prática de esportes, nos leva a academia.
O que quero dizer, sem qualquer sintoma de complexo - e todo gordo que sente isso na pele há de concordar comigo – é que, naquele ambiente criado para o levantar e puxar de pesos, para o enrijecer de músculos, somente nós, os cinturinhas de ovo, parecemos normais, parecemos humanos.
Mulheres gostosonas, caras saradões e a gente ali no meio, feito alienígena, à procura de um outro alguém comum, recheado de estrias e celulites, que possa bater um papo sadio no plano das idéias, mas não discuta necessariamente a busca pela perfeição do corpo, suplementos alimentares, dietas, medidas e pesos, esses assuntos…

A lua do boêmio

Imagem
Eis que a lua repousa sobre Aracaju em 04 de novembro de 2009, plena quarta-feira. Embebida na sensibilidade e talento do jornalista, poeta e fotógrafo Nivaldo Menezes, se mostra graciosa. À espera dos acordes de um violão, dos beijos, suspiros e sussurros dos amantes, dos goles compassados e melódicos da poetisa boemia. Sim, a lua espera o boêmio, ansiosa, pois sabe que que ele há de voltar. E enquanto espera, escreve a partitura do seu soneto da fidelidade. Dedicado ao amigo, jornalista e boêmio Cleomar Brandi.